Casal de idosos tira a própria vida; “Para não ser um fardo para a família”

Uma senhora de 86 anos identificada como Blanca Saéz e o marido José Aedo, de 94 anos, viviam tranquilamente e estavam casados há incríveis 62 anos.

O casal conseguiu construir uma família bem grande, honesta e bem vista. Eles tiveram quatro filhos, e deles o casal ganhou 6 netos, aparentemente viviam um vida linda e harmoniosa, mas, como tudo isso terminou é simplesmente assustador.

O casal acabou sendo encontrado de mãos dadas e mortos, em El Bosque, na cidade de Santiago, que fica no Chile. Quem os encontrou foi uma das netas que também achou uma carta que estava junto aos corpos, nela havia a assinatura dos dois e também explicava a justificativa deles terem tomado a decisão que choraria a todos mais tarde.

A carta dizia que eles não gostariam de ser um peso para a família, não queriam dar gastos e aumentar a despesa, disseram ainda que tinham medo de ficar doentes e dar trabalho aos netos e filhos.

No local, ainda foi encontrado uma arma, os policias que atenderam a ocorrência e investigaram a cena do “crime”, afirmaram que ali teria acontecido um homicídio e logo em seguido um suicídio.

Sendo assim, um matou o outro, e logo em seguida, se suicidou.

Segundo informações do site ABC, um dia antes da tragédia, os dois haviam ido juntos a uma consulta com o geriatra.

Agora toda a família se encontra despedaçada, alguns membros que conseguiram dar entrevista disseram que nada faz sentido na decisão tomada pelo casal. Já os netos estão desesperados pela maneira que tudo aconteceu.

Mãe encontra camisinha no ânus da filha e descobre que avô a estuprava

Um homem de 63 anos foi preso na noite do último domingo (24), após ser acusado de estuprar a própria neta, uma menina de apenas seis anos. O caso ocorreu em uma casa localizada no bairro de Petópolis, em Manaus.

Segundo a polícia, o crime foi descoberto pela mãe da criança que, no momento em que estava dando banho na menina, se deparou com um preservativo preso dentro do ânus dela. Sem entender o motivo do objeto estar no interior da garota, a mãe a questionou várias vezes. A menina contou que o avô tinha mantido relações com ela e que o crime não teria ocorrido apenas uma vez.

Revoltada com a situação, a filha do suspeito acionou a polícia e o entregou. O idoso foi preso e deve responder por estupro de vulnerável. O caso está sendo investigado pela Delegacia Especializada em Proteção à Criança e ao Adolescente. A vítima está recebendo acompanhamento médico e psicológico.

A mãe da menina ficou indignada com o ocorrido e relatou que nunca suspeitou do homem. Além disso, ela afirmou que a filha ficou diversas vezes na companhia do avô.

Leia Também:

Como emagrecer rápido em uma semana?

7 maneiras de acabar com a ejaculação precoce

VÍDEO: armado com revólver, morador atira em quadrilha que portava fuzil e evita ataque a banco

 

Um ataque a banco em São Nicolau, cidade de pouco mais de 5 mil habitantes na Região das Missões, foi frustrado pela ação de um morador na manhã desta sexta-feira (29). O homem, que ainda é desconhecido da Brigada Militar, abriu fogo com um revólver contra a quadrilha que chegava para atacar uma agência Banrisul e uma joalheria.

De acordo com a Brigada Militar, os bandidos pararam um Logan na avenida principal da cidade. Ao menos seis criminosos desembarcaram do veículo já atirando para cima, para assustar os moradores. Um dos criminosos portava um fuzil, outro uma espingarda calibre 12, e os quatro restantes estavam com armas curtas.

Repentinamente, um dos moradores que estava na região central da cidade decidiu abrir fogo. Os criminosos se assustaram com a reação e renderam uma mulher que estava na rua, porém mais tiros foram disparados.

— Quem efetuou os disparos foi um cidadão comum. Como foram recebidos a tiros, se movimentaram, tentaram pegar como refém uma senhora, mas largaram ela e fugiram no mesmo carro — detalha o comandante do Comando Regional de Policiamento Ostensivo, tenente-coronel José Vilmar Robaina Jornada.

Durante a fuga em uma estrada de chão batido, os bandidos abandonaram o Logan e pararam um motorista que passava pela região em um Prisma. Ele foi obrigado a descer do carro e levado como refém na fuga dos criminosos.

Os bandidos, após cruzarem com viaturas da polícia, decidiram largar o refém e o carro roubado e seguir a pé a fuga em um matagal. Por volta das 14h, segundo a Brigada Militar, ao menos três deles estavam cercados por soldados em um terreno de cerca de cinco hectares na região de Santo Izidro, área próxima do Rio Uruguai.

Apesar de o resultado da reação do morador ter evitado um assalto, o comandante da BM pede cautela a casos como esse.

— Às vezes a pessoa estar armada é bom, às vezes não. Nesse caso, foi, porque houve a questão do efeito surpresa. Quando eles viram, não sabiam nem de onde estavam atirando, e eles têm medo disso — detalha o oficial.

Ele lembra que o temor dos bandidos pode ser decorrente, também, da Operação Diamante, da Brigada Militar. A ofensiva antecipa com informações de inteligência ataques a banco, enviando reforço na tropa para os municípios que estão como potenciais alvos. Em dezembro de 2018, em Ibiraiaras, no norte gaúcho, seis bandidos foram mortos em uma das fases da operação.

Leia Também:

Como emagrecer rápido em uma semana?

7 maneiras de acabar com a ejaculação precoce

Amante apanha da esposa traída em praça pública e quase fica nua no meio da rua

Um caso chamou atenção na China, pessoas que passavam no local começaram a perceber uma movimentação diferente no meio da rua e avistaram a cena: “Mulheres brigavam no meio da rua sem que ninguém soubesse o motivo”.

O local exato onde a briga aconteceu e o nome das mulheres envolvidas não foi divulgado, no entanto soube-se depois que se tratava de uma vingança, pois a mulher que apanhava teria um relacionamento com o marido da outra.

De acordo com relato das testemunhas que estavam no local à agressora ainda chamou outras duas amigas que, juntas começaram a agredir a moça.

A jovem apanhou covardemente, pois se tratava de uma briga muito injusta, muitas mulheres contra uma só.

No momento da briga as mulheres conseguiram arrancar a roupa da amante que acabou ficando quase nua e passando um grande constrangimento no meio da rua.

De acordo com o tabloide britânico Mirror, a briga durou vários minutos sem que ninguém interferisse, vários homens assistiam a briga das mulheres sem fazer nada.

Até que depois de um tempo ao ver que a jovem já estava cansada de apanhar alguém decidiu separar a briga.

Pai mata e arranca parte do saco escrotal de homem que estuprou seu filho

Um agricultor foi preso  suspeito de matar um homem que teria violentado o filho dele, de 9 anos, no município de Tonantins, a 865 km de Manaus. Após o homicídio, ele se entregou à polícia. A criança teria sido amarrada dentro de um curral.

O agricultor se apresentou na sede do Conselho Tutelar de Tonantins, dizendo que havia disparado contra o suspeito, que era conhecido da família. O homem teria aproveitado que estava somente a mãe e a criança em casa, para cometer o abuso.

“Chegou no conselho este caso. Ele [o suspeito] sempre aparecia lá pela casa da família. Na versão do pai, o suspeito apanhou um açaí e mandou a esposa [do agricultor] preparar. No que a mãe da criança se entreteu na cozinha, ele chamou o menino para um curral e se aproveitou da criança lá”, disse o conselheiro Luís José Custódio.

Segundo testemunhas, o suspeito chegou a amarrar a criança dentro do curral para poder cometer o abuso. Ao perceber a chegada do pai, ele fugiu para uma área de mata. A família socorreu o menino e o agricultor entrou na mata atrás do agressor.

Dentro da floresta, o pai teria desferido dois tiros contra o homem, que morreu no local. Em seguida arrancou o saco escrotal do estuprador e depois foi até o Conselho Tutelar para se entregar.

“O pai da criança confessou [que matou o cara]. Ele falou que deu dois tiros. Ele disse que correu para o mato atrás do dele”, disse o conselheiro.

O conselheiro acionou os policiais militares de Tonantins. Os policiais apresentaram o suspeito no 54º Distrito Integrado de Polícia (DIP) município, na noite desta quinta-feira (6).

O Conselho Tutelar do Município disse que vai disponibilizar apoio psicológico para a família e para a criança vítima de violência sexual.

Leia Também:

Como emagrecer rápido em uma semana?

7 maneiras de acabar com a ejaculação precoce

Bebê de 6 meses morre em creche após tomar sonífero dado por funcionária

Mais um caso inusitado e trágico, cometido por um profissional sem preparo em uma creche, coloca em evidência os riscos de se colocar o filho em qualquer instituição sem a devida averiguação e busca de referências.

O dono de uma creche de Vermont, nos Estados Unidos, foi preso nesta última segunda-feira (18), acusado de homicídio culposo e crueldade. Isso aconteceu após um bebê morrer aos cuidados da instituição por ter recebido uma dose fatal de anti-histamínico, que é conhecido popularmente como sonífero.

Stacey Vaillancourt, de 53 anos de idade, é a funcionária que teria dado a medicação para a criança. Ela está presa pela morte de Harper Rose Briar, segundo informações da Polícia do estado de Vermont.

“Testes toxicológicos determinaram que a bebê tinha altas concentrações de difenidramina em seu corpo. O Departamento Médico-Legal determinou que a causa da morte de Harper Briar foi a intoxicação por difenidramina, e o tipo de morte foi homicídio”, contou agentes da polícia.

No relatório da autópsia realizada, foi observada que esse produto jamais deve ser administrado em bebês dessa idade sem a ordem de um médico. Com isso, a polícia abriu uma investigação e descobriu que não há nenhuma receita médica para tal ato. Segundo informações da polícia, a funcionária é a única pessoa que cuidou da bebê antes da sua morte, no terceiro dia de inclusão na creche.

A ré está sendo acusada, pelo estado, de sedar essa criança de 6 meses que era muito bonita, saudável e feliz. A menina chegou ao ponto de não levantar mais a cabeça e falecer, relatou a advogada dos pais da criança, Rosemary Kennedy.

Mãe é presa por matar o marido a facadas depois que flagrou ele tentando estuprar sua filha

Os relatórios indicaram que uma mulher, de 38 anos, identificado pelo nome de Paola Córdoba, teve a infelicidade de ver seu marido Alberto Elio Naiaretti, 46, tentando abusar sexualmente de sua filha.

A menina desesperada gritou pedindo ajuda para evitar o abuso do pai; razão que levou a mãe ir à cozinha pegar uma faca e apunhalar o homem em diferentes lugares do corpo; afiado no peito, no abdômen e nas costas.

A Polícia argentina foi alertada sobre o incidente e chegou ao local para isolar a área e proceder com a prisão da mãe.

Depois de estudar o caso, os policiais descobriram que o pai atacou fisicamente a esposa e as filhas.

Vizinhos que ouviram sobre o que aconteceu narrou que Elio Alberto Naiaretti foi apelidado de El Gitano, que também agir mal com sua família assediado mulheres que passavam perto de sua casa.

A encarregada de denunciar o crime era uma das filhas do casal. Mãe e filha foram enviadas à delegacia de polícia, poderiam sofrer uma punição severa pelo crime de homicídio.

A menina permaneceu à disposição das autoridades enquanto esperava para determinar o destino da mãe.

Tarado quase morre linchado após tocar nas partes de uma garotinha de 9 anos: “Fiquei excitado” disse o homem

Um grupo de vizinhos indignados de Ate Vitarte, no Peru, flagrou um homem acusado de fazer um toque inadequado a uma garota em 9 anos. O sujeito recebeu uma surra quando tentou fugir, relatou América Noticias.

Os moradores da Associação de Moradores de Santa Rosa de Valle Grande ficaram indignados ao saber que Víctor Manuel PL (30) tocou as partes íntimas da criança. Ela foi interceptada pelo sujeito na saída de um armazém, quando ela foi comprar alguns pães com seu irmão mais novo.

Depois do que aconteceu e entre lágrimas, a menina contou a história à mãe e detalhou as características do homem para identificar e denunciar. Uma vez reconhecido, o sujeito tentou fugir, mas foi pego pelos vizinhos e recebeu uma surra.

Agentes do Esquadrão de Emergência Leste II do PNP chegaram ao local e transferiram o réu para a delegacia. Na sede da polícia, Purizaca Lévano não negou o crime e disse que cometeu o ato “porque (o menor) chamou sua atenção, fiquei excitado com o corpo dela”.

O detido foi colocado à disposição do juiz de Ate Vitarte e será denunciado pelo crime de tocar indevidamente contra uma menina de 9 anos.

Blogueiro Chinês filma a própria morte em queda de arranha-céu

O chinês Wu Yongning, de 26 anos, registrou a própria morte ao praticar pull-up (atividade em que ergue o próprio corpo) no topo de um prédio empresarial de 62 andares.

Wu era um blogueiro conhecido por gravar e publicar diferentes situações de risco sem o uso de equipamentos de segurança. Neste caso, ele perdeu o controle durante o movimento e acabou despencando do edifício.

O acidente foi registrado por uma câmera posicionada em frente ao local onde ele realizava a manobra. O corpo do jovem foi localizado pelo zelador do prédio, momentos após a queda.

Criminoso com tornozeleira eletrônica circula com fuzil entre grupo fortemente armado no Rio

O Globocop registrou, na manhã desta terça-feira (26), pelo menos 13 homens armados com fuzis circulando pelas ruas do Complexo do Chapadão, em Costa Barros, Zona Norte do Rio. O flagrante foi feito no Bom Dia Rio.

Um dos homens calça chinelos e parece usar uma tornozeleira eletrônica.

O grupo apareceu vasculhando ruelas da favela com armas em punho, enquanto moradores pareciam se abrigar em casa. Outros suspeitos carregavam bolsas e mochilas.

O Globocop também localizou uma barricada em chamas em um dos acessos à comunidade. Criminosos costumam enterrar vigas de ferro ou atear fogo em móveis para dificultar a chegada da polícia.

Às 8h, a PM informou que homens do 41º BPM (Irajá) foram à comunidade para uma operação.